História do Pilates

Joseph Pilates nasceu em 1880 perto de Düsseldorf, Alemanha. Ele foi uma criança frágil, asmática, raquítica e com febre reumática, porém tornou-se tão determinado a melhorar a sua condição física que devotou-se ao estudo e a prática da construção de um corpo forte e sadio. Ele se especializou numa variedade de esportes como ginasta, esquiador, mergulhador, boxeador e até mesmo artista de circo. Durante este período , Pilates começou a formar sua filosofia sobre exercício e saúde, estudando yoga, acrobacia e movimento

pilates

e condicionamento físico, combinando filosofias de saúde e exercícios do Oriente e Ocidente.
Em 1912, ele tornou-se boxeador profissional e começou a lecionar autodefesa para detetives da Scotland Yard. No período da I Guerra, no ano de 1914, ele foi exilado, mandado para uma ilha inglesa onde trabalhou num hospital com exilados e mutilados, atuou como enfermeiro e treinou os feridos de guerra dentro do hospital, adaptando os leitos hospitalares, bem como as cadeiras de rodas, para exercitá-los. Joseph utilizou as molas dos colchões para oportunizar às pessoas o exercício contra uma resistência fixa, promovendo ganho de força e flexibilidade com os exercícios do método que havia criado. 
Na Europa, em 1918, estoura um surto de Gripe Espanhola, que matou milhares de pessoas. Felizmente, nenhum paciente treinado por Joseph sucumbiu à doença.
Anos mais tarde, Pilates começou a treinar um famoso boxeador da época, que teve grande êxito em sua carreira. Como prêmio, Pilates ganhou apoio para a abertura de um estúdio em Nova York, fundado em 1926. Seu método foi batizado como Contrologia. 
Pilates, foi procurado por uma famosa bailarina com uma grave lesão no tornozelo e estava fadada à cirurgia. Naquela época, as técnicas fisioterápicas eram primitivas e uma cirurgia significaria o fim da carreira dela. Joseph não só evitou a cirurgia, como também promoveu a volta de sua aluna aos espetáculos. E dessa forma, o método despertou interesse nos demais dançarinos; Pilates passou a ter uma grande demanda de bailarinos, circenses e pessoas com patologias diversas.
Não poderia ser diferente os estúdios hoje no Brasil e no mundo estão cheios de alunos e apaixonados pela técnica,os benefícios do pilates são inúmeros,como :
Tonificar a musculatura
Fortalecer os musculos mais profundos do corpo
Melhorar a flexibilidade,postura
Evitar e reabilitar lesões
Manter um corpo definido
Entre outros inúmeros benefícios
Com o foco no centro de força (Abdomen,gluteos,parte inferior das costas)
os resultados estéticos também são incríveis!!

http://vergeturegrossesse.festivaires.fr/

acné rosacee